BibiografiaJaura

Bibliografia para a Oficina: JAUÁRA ICHÊ. NÓS E ENTREMEIOS DA CULTURA ANTROPOFÁGICA

Cal(e)idoscorpos: Um Estudo Semiótico do Corpo E Seus Códigos. São Paulo, 1997.

Os Sonhos do Corpo: A Comunicação Biocultural do Corpo. Cleide Riva Campelo. Tese de doutorado. 2001. PUCSP.

O Quark e o Jaguar. Murray Gell-Mann.

A Engrenagem e a Flor. José Ângelo Gaiarsa. São Paulo, 1986.

A Vida Simbólica. Carl G. Jung. Petrópolis, 1998.

Escritos Ordinários. Carlos Roberto Mantovani, 2007.

A Alquimia e a Imaginação Alquímica. Marie-Louise Von Franz. São Paulo, 1998.

Crisantempo. Haroldo de Campos. São Paulo, 2004.

Língua e Realidade. Vilém Flusser. São Paulo, 2007.

Os Símbolos Vivem Mais Que Os Homens. Norval Baitello Junior ET al (org). São Paulo, 2006.

A Inconstância da Alma Selvagem. Eduardo Viveiros de Castro. São Paulo, 2002.

Espelho Índio. Roberto Gambini. São Paulo, 2000.

Work in Progress na Cena Contemporânea. Renato Cohen. São Paulo, 1998.

Peer Gynt. Henrik Ibsen. Texto da internet, via scribd .

Ceiussú, A Velha Gulosa. Tradução de José Carlos de Campos Sobrinho.

A Fonte da Donzela, filme de Ingmar Bergman.

0 comments on “Bibliografia para a Oficina: JAUÁRA ICHÊ. NÓS E ENTREMEIOS DA CULTURA ANTROPOFÁGICAAdd yours →

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>